Atuação das Pastorais

 


    Menos frenético e sempre ativo.  É assim que algumas pastorais da Paróquia de Casa Forte estão agindo para driblar a pandemia do coronavírus. Sem quebrar regras de distanciamento social, os grupos reúnem-se, estabelecem metas e cumprem compromissos. Mais que um respiro, a ordem das pastorais é não parar. E elas estão dando conta do recado.


Caravana Solidária na CCMA
 
    A onda de solidariedade não para. O mês de julho trouxe os comerciários de Pernambuco para junto da Casa da Criança Marcelo Asfora. No dia 30, diretores do Sindicato dos Representantes Comerciais de Pernambuco (Sircope) e do Mesa Brasil, responsáveis pelo banco de alimentos do Sesc, doaram 50 cestas básicas à CCMA. Os novos benfeitores foram recebidos pelo pároco, padre Fábio Paz e por dirigentes da entidade educacional, mantida pela Paróquia de Casa Forte. As famílias das crianças receberam e levaram as cestas para suas casas. Essa distribuição de alimentos é mensal e acontece desde que a pandemia do coronavírus determinou o fechamento das escolas. 

Vitória Régia fora do ar


    Pela primeira vez, em 42 anos, a Festa da Vitória Régia não vai tomar conta da Praça de Casa Forte. Programada para acontecer nos dias 6, 7 e 8 de novembro de 2020, ela é mais um evento popular a sofrer mudanças, por conta da pandemia do coronavírus. A decisão leva em conta cumprimento de protocolos, que proíbe, entre outras coisas, aglomeração de pessoas. A coordenação da FVR ainda busca um formato capaz de arrecadar verba para manutenção das obras sociais, mantidas pela Paróquia, notadamente a Casa da Criança Marcelo Asfora.

  

   Confira como algumas pastorais estão fazendo no vídeo abaixo:






0 Comentarios