Reencontro de ex-alunos vira dia de festa

     


   A partir deste ano, o dia 19 de setembro passa a ser o Dia da Volta para pelo menos 28 ex-alunos da Casa da Criança Marcelo Asfora.  Eles encheram a quadra da Paróquia de Casa Forte na manhã de um dia de domingo para relembrarem o passado e atestarem o efeito positivo da CCMA na vida deles, tudo com direito a choro, depoimentos emocionados, música, lembrancinhas e lanche. A confraternização incluiu também as professoras Sandra, Roberta e Flávia que foram apontadas por eles como suas mães postiças, além de antigos e novos diretores como padre Fábio Paz que deu as boas-vindas.  


    Adultos hoje, todo tempo eles esbanjaram gratidão e felicidade. A música ficou a cargo da ex-aluna e cantora lírica Gláucia Cristina, hoje no Conservatório Pernambucano. Ela abriu a reunião/festa cantando Emoções e fechou com Amigos Para Sempre. Fizeram questão de peregrinar pelas salas de aula, refeitório, banheiros, biblioteca. Sala por sala. Não esqueceram de fazer referência ao pároco de então, padre Edwaldo Gomes e reconheceram a importância da CCMA na formação moral e ética deles. Ao mesmo tempo, lamentaram o destino daqueles que não souberam aproveitar os ensinamentos,   


    Os hoje engenheiros, fisioterapeutas, técnico em farmácia e enfermeiro, donas de casas, trabalhadores públicos e privados encerraram a manhã da saudade na Praça da Vitória Régia. Celular na mão, promoveram sessão de fotos e promessa de retorno. Tudo indica quando 19 de setembro de 2022 vier.

    

0 Comentarios