Tem novidade na Casa da Criança

 

    Uma Missa,  em ação de graças; um outdoor, embelezando a Av.17 de Agosto, em Casa Forte, e o principal personagem da festa fora da cena. Parece incoerente, mas não o é.  Foi assim que a Casa da Criança Marcelo Asfora comemorou os seus 30 anos de existência, no dia 4 de março último. A CCMA está viva, mas inativa,  à espera do “abram-se as portas”. São 120 alunos matriculados e o ambiente pronto para acolhê-los, respeitando determinações sanitárias necessárias ao combate da pandemia do coronavírus. 

   A Casa da Criança está fechada para atividades educativas há um ano. Nesse período, a meninada recebeu assistência à distância com entrega de cestas básicas, kit lanche, blocos de exercícios e ensino virtual. Na volta às aulas, ainda indefinida, eles vão encontrar rostos desconhecidos. A CCMA tem novos dirigentes. Flora Pessoa e Zildete Xavier assumiram a direção substituindo Carmem Lúcia e Amaro Lins. Encontrarão novidades ainda entre os funcionários e, receberão uniforme completo: short, camiseta, meia, sapato, mochila e máscara.

   O fardamento chegou por obra e graça da solidariedade. Em 15 dias de campanha, pelas redes sociais e recados dados nas celebrações da paróquia, o valor levantado atingiu R$21.618,00. O dinheiro, acima do necessário, possibilitou a aquisição de mochilas e máscaras que não estavam contempladas inicialmente. Os amigos de Casa Forte reconheceram que doar não dói e faz um bem enorme!


 



 


0 Comentarios